top of page

Como a Lua influencia a sua relação com a sua mãe e com você mesmo

Atualizado: 14 de mai. de 2023


Hoje eu quero compartilhar com vocês um tema muito especial: o dia das mães. Como vocês sabem, eu trabalho com astrologia védica, constelações familiares e tantra, e a mãe tem um significado muito profundo em todas essas disciplinas. A mãe é a nossa primeira referência de amor, cuidado e proteção, mas também de conflito, frustração e expectativa. A mãe que criamos na nossa mente nem sempre corresponde à mãe real que temos na vida. E isso pode gerar muitas dificuldades nas nossas relações, na nossa felicidade e na nossa energia sexual.

Na astrologia védica, a Lua é o planeta que representa a mãe, a mente, o coração e as emoções. A posição da Lua no nosso mapa astral indica como é a nossa relação com a nossa mãe, como ela nos influencia e como nós nos sentimos em relação a ela. A Lua também mostra como é o nosso lado maternal, como cuidamos dos outros e de nós mesmos, e como buscamos segurança e conforto emocional.

Nas constelações familiares, a mãe é a base do nosso sistema familiar. Ela é quem nos conecta com os nossos ancestrais, com a nossa origem e com o nosso propósito. A mãe é quem nos dá a permissão para viver, para amar e para ser felizes. Se temos alguma questão mal resolvida com a nossa mãe, isso pode afetar todas as áreas da nossa vida, especialmente as nossas relações afetivas.

No tantra, a mãe é a fonte da nossa energia sexual, da nossa intimidade e das nossas conexões profundas. A mãe é quem nos ensina a nos relacionar com o nosso corpo, com os nossos sentidos e com o nosso prazer. A mãe é quem nos mostra como expressar o nosso amor de forma autêntica, criativa e sagrada. Se temos alguma ferida ou bloqueio com a nossa mãe, isso pode prejudicar a nossa sexualidade, a nossa autoestima e a nossa capacidade de nos entregarmos nas relações.

Como podemos ver, a mãe é um tema muito rico e complexo, que merece ser explorado com carinho e consciência. Por isso, eu quero convidar vocês a fazerem uma reflexão sobre como é a sua relação com a sua mãe, como ela afeta a sua vida e como você pode curar e atualizar a imagem que você tem dela. Para isso, eu vou deixar algumas perguntas para vocês responderem nos comentários ou no seu caderno pessoal:

- Como era a sua relação com a sua mãe na infância? E como é agora?

- O que você aprendeu com a sua mãe sobre amor, cuidado e proteção?

- O que você gostaria de mudar ou melhorar na sua relação com a sua mãe?

- Como você se sente em relação à sua própria maternidade (seja biológica ou não)?

- Como você cuida de si mesmo e dos outros?

- Como você se relaciona com o seu corpo, com os seus sentidos e com o seu prazer?

- Como você expressa o seu amor nas suas relações?

Espero que esse texto tenha sido útil e inspirador para vocês. Eu desejo um feliz dia das mães para todas as mães que me acompanham e para todas as pessoas que têm uma mãe no seu coração. Lembrem-se que a mãe é uma energia divina que está dentro de cada um de nós, e que podemos acessá-la sempre que precisarmos. E sigo te conduzindo na jornada rumo ao seu Grande Amor: Você!

54 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Gratidão 🌟 🌟 🌟

Like
bottom of page